PAUTA: COLETIVA NA SEDE DA ADEPOL (Associação dos Delegados de Polícia) PARA ESCLARECER PLC 07/2016- MEDIDAS PROTETIVAS DE URGÊNCIA ÀS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA

out25

Categoria: Notícias

PAUTA: COLETIVA NA SEDE DA ADEPOL (Associação dos Delegados de Polícia) PARA ESCLARECER PLC 07/2016- MEDIDAS PROTETIVAS DE URGÊNCIA ÀS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA

Nesta quarta (24), às 14h, na sede da Adepol, em Curitiba, a Associação dos Delegados de Polícia (ADEPOL) convida jornalistas e entidades que atuam em defesa aos direitos das mulheres para participar de uma coletiva de imprensa para esclarecer todos os pontos do projeto (PLC 07/2016), aprovado pelo Congresso Nacional, que altera a Lei Maria da Penha ao permitir que delegados concedam medidas protetivas de urgência a vítimas da violência doméstica. O prazo para que o presidente Michel Temer sancione o projeto expira dia 8 de novembro.

Estarão presentes: o presidente da Adepol, João Ricardo Noronha, o vice, Daniel Fagundes, o presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Paraná (Sidepol), Cláudio Marques, e a delegada adjunta da Delegacia da Mulher de São José dos Pinhais, Eliete Kovalhuk. O evento será transmitido ao vivo no site da Adepol (www.adepolpr.org).

Alguns pontos que serão abordados sobre o Projeto:

– De quem foi a inciativa do projeto e por que foi apresentado ao Congresso;

– O que muda de fato com o projeto e quais os itens que não estão sendo mostrados;

– Quais os prazos legais das medidas protetivas que constam na legislação atual;

– Quais os prejuízos às mulheres vítimas de violência caso o projeto não seja sancionado;

– Quais as alegações de quem é contra o projeto;

– A quem interessa que o projeto não seja sancionado e por que.

– Lançamento de uma petição para que o projeto seja sancionado em regime urgência.

Clique aqui para assistir.

Serviço:
COLETIVA SOBRE O PLC 07/2016 – MEDIDAS PROTETIVAS DE URGÊNCIA ÀS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA
Data: quarta-feira (24 de outubro)
Hora/local: às 14h. Sede da Adepol, em Curitiba. Rua Padre Agostinho. 850. Mercês.

Atendimento à imprensa:
Cinthia Alves – cinthiajor@gmail.com / 41 99989-0044

 

Compartilhe :

Notícia Anterior

Unimed PR - Índice de Reajuste Anual 2017/2018

Próxima Notícia

Delegados defendem projeto que pode salvar milhares de mulheres do feminicídio